segunda-feira, 28 de abril de 2008

o de sempre... pensando...

a definição desta fase foi dada por alguém que entende do assunto e tem anos de janela... uma amiga taurina que sempre tem um puxão de orelha guardado pra mim misturado a mil palavras de incentivo e pontos de vista muito distintos.

De acordo com ela sou uma pessoa "EM PLENA TRANSICAO E COM NECESSIDADE DE TEMPO PARA MUDAR, REFLETIR E ACEITAR CERTAS COISAS"

não tá fácil.

A crise existencial tá abalando as mulheres de 30 e alguns??

tempos de mudança, de cobrança, de evoluir, crescer - e crescer sempre dói.

No meio deste turbilhão todo algumas coisas me dão prazer: a aula de chi kung, meus avanços com a tartaruga dourada e a importância da longevidade - viver muito pra quê? pra ter mais crise existencial, né?

tb tem uma limpeza da medula... nossa.. que coisa forte, viu.

e assim, vamos... adiante, com mudanças, dor, alguma solidão e uma boa dose de reclusão.

2 comentários:

fator disse...

seus pés são o MEU ponto fraco !!!

samya disse...

Crise existencial? Mulheres com mais de trinta? Nããão!